Acorda Menina! Saiu nova música da Gwen Stefani “Baby don’t lie”

68984_10152754683816427_2002095166929635810_n

Confesso, estava com medo.

regina-duarte-medo

Mas daí, Gwen – mais uma vez produzida por Pharrell Williams – voltou com aquele pop divertido, com batida, vocais gostosos e um pouco daquela essência que o ska do No Doubt tanto faz falta. Por mais que eu tenha sentido uma influência de “Te Amo”(Rihanna) e “Princess of China” (Coldplay), a música me fisgou de jeito. Ainda bem, o nosso pop de todo dia merecia alguém com mais estrada.

~beibi don beibi don láai~

Fergie está de volta com faixa quebradeira sensual “L.a. (la la)”

Fergie-L-A-black-eyed-peas-21288305-680-701

Fergie tá vindo aí, provando que as novinhas têm muito que aprender. Aliás, quantos anos a Fergie tem?! Enfim, pouco importa. Aperta o play e comece a mexer seus “humps” com essa faixa, que me apaixonou em poucos segundos:

 

Delícia, né? O disco solo “The Dutchess” (2006) realmente deixou saudade. Essa mistura de batidas, voz firme da Fergie que mistura notas altas, rap e os deliciosos “la la las” dela. Espero tudo isso e mais de volta.

VOLTEI, KRLHO!

E aí, curtiu?

Meghan Trainor vai fazer você se amar mais – e ela também

Meghan-Trainor_All-About-That-Bass_video-snapOk, ok, devo confessar que tenho certo preconceito de ouvir o que geralmente tem tocado nas rádios pop-alternativas americanas. Há algumas semanas, vi pela primeira vez o rosto lindo maravilhoso fofo doce lindo de novo da Meghan Trainor em um site de lançamentos musicais. Lembro que olhei, não consegui interpretar visualmente qual era o estilo da moça e deixei passar. Eis que, depois de encomendar o álbum da Kiesza – Sound Of A Woman, que chega no dia 20 de outubro desse ano -, o iTunes me sugere o EP da dita Meghan. Cliquei, ouvi, fui atrás de clipe, tô paixonado.

É música pra aquecer o coração. A moça tem toda uma pegada retrô que nós do Pelamordi amamos – tanto na música quanto no projeto visual -, é cheinha com orgulho, escreve as próprias músicas e é divertida no balde! O primeiro lançamento, “All About That Bass” fala sobre como o mundo inteiro está condicionado a padrões de beleza e incentiva o amor próprio. O clipe é lindo, fotografia bubble-gum e a Meghan mais linda do que nunca.  Saca só:


A gente nem precisa dizer que apoia a mensagem, né? É sempre ótimo quando surge um artista que esteja disposto a ir contra padrões da indústria e a pregar o “ame seu corpitcho”.

Ah, e vale lembrar que a música foi composta depois de um episódio do programa da diva maravilhosa Ellen DeGeneres sobre autoestima. Falando nisso, a moça deu as caras no programa da apresentadora e mostrou que faz live:

As aparições ao vivo não pararam aí. O louco do Jimmy Fallon a convidou pra fazer uma daquelas versões super instrumentais e alternativas que ele costuma produzir no The Tonight Show (até Christina Aguilera já passou lá com “Your Body”). O trabalho ficou MUITO legal e deixa a gente ver que a moça tem carisma mesmo <3:

Não para de ficar bom, né? Pior que dá. Nessa semana, a cantora lançou o primeiro EP, chamado “Title” e já dá pra comprar no iTunes ou ouvir no Spotify. Ouçam e digam pra gente qual a favorita de vocês, ok?

E não se esqueçam, gente:

tumblr_n7fx10PaMK1qbjqn3o4_400

Kiesza, a cantora que tirou o dance anos 90 do baú da felicidade!

kiesza_pelamordi_ep

Quem acompanha a gente nas redes sociais (4@pelamordi) sabe que volta e meia falamos dela, a Kiesza (pronuncia Cáizá), canadense que já trabalhou para a Marinha e participou de Miss Universo, isso tudo com apenas 25 anos.

Por que ela é tão fascinante? Quem viveu nos anos 90, teve a oportunidade de ouvir artistas como Ace of Base, Corona, La Bouche, Gillette, Double You (ele veio pra Manaus até!) e muitos outros artistas dance, que vestiam roupas de lycra, jeans cintura alta e cantavam músicas com efeitos, pianos e repetições de sílabas. Alguns falavam de sentimentos, corações partidos, noites alucycrazys ou apenas do tamanho do pênis do boy. Era tudo muito divertido.

Quando assisti o videoclipe Hideway (primeiro single dela), parece que fui empurrado num túnel do tempo, aqueles psicodélicos do windows 95. O som, aquela dancinha, aquele look, o design, produção e aquela voz potente, tudo me remetia verdadeiramente à escência da cultura pop-dance 90tista. Como uma passe de mágica, ela tinha me trazido as melhores memórias dessa época.

foto

Já temos o EP “Hideway”, ítem raro! (@diegobtoledano)

Logo depois, apresentei pro Diego e ele prontamente juntou as moedas e pediu o EP pela Amazon, 4 faixas deliciosas, com direito a cover de “What is love” (beibi don rurt me, nó mó) – hino de uma geração, originalmente gravada por Double You – não existe uma pessoa com mais de 20 anos que não lembre dessa faixa. Kiesza simplesmente a “desmontou” e transformou numa linda e emocionante balada.

 Kiesza é uma artistas completa, que conhece música a fundo. Tem um timbre potente e não desafina nem mesmo quando parece faltar fôlego. Ela dança demais, aqueles passinhos de “jazz de escola”, típicos de quando éramos criança. Mas além disso, veste essa identidade do disco como ninguém. Ela realmente é 100% comprometida com a arte dela, o que acho fascinante.

Kiesza-22518-600x900_Kiesza-AWH-5779-Press_124432

Ao vivo no pocket show do iTunes Festival

Até mesmo no primeiro show que assisti, do iTunes Festival, ela comanda quase 40 minutos de pocket show com muita dança, excelentes mashups de músicas de 90 e anima o público jovem, esses que “só dançam se tiver a música no meu iphone, mêo”. Kiesza encanta e surpreende, mas reconhece que a experiência só a tornará mais interessante.

elle-kiesza-nAoMz8-blog

Outra coisa super bacana é que ela tem um instagram muito fofinho (@Kiesza), que nos deixa super próximo do trabalho e pessoa dela (ela até revelou a capa do disco, que se chama “Sound of a Woman”). Assim como Lady Gaga (falamos dela em 2009, antes dela pensar em tocar numa rádio brasileira), Kiesza é uma artista pop que tem muito chão pela frente e estamos torcendo para que seja um caminho que continue nos surpreendendo e divertindo. Sim, já queremos um show dela no Studio 5!

Rebobinar: “You get what you give” dos eternos (New) Radicals

Não existe uma pessoa no mundo com mais de 20 anos que não conheça esse hino de uma geração – antes do bug do Millennium. New Radicals, a banda que chegou na terra para ter apenas 1 hit, é a compositora desse hit que representa tanto para a minha vida.

new-radicals-4

Sempre sonhei em recriar o clipe no Amazonas Shopping

Rock clássico, entrou até para a trilha sonora SUAVE VENENO (Internacional), naquela época as novelas tinham músicas internacionais boas. Só tinha como ouvir a música nesse cd, já que na época eu era muito pobre pra ficar comprando CDs, e naquela época não tinha mp3 fácil pra baixar, 99 gente.

cd-suave-veneno-internacional-4527-MLB4918373588_082013-F

Deixo vocês com esse hit em mais um REBOBINAR É VIVER.

VMA 2014: transmissão neste domingo em Manaus e lista dos indicados!

 VMA_RAFA

Vocês pediram e cá estamos nós de novo, um ano depois, nos preparando para mais uma cobertura do 31º Video Music Awards da MTV, que vai rolar neste domingo com transmissão lá no Gohan Sushi Bar (Parque 10). Será uma forma de assistir essa prestigiada premiação de uma forma diferente, junto com outras pessoas que também curtem música pop estão torcendo por seus ídolos.

A primeira transmissão rolou ano passado, também no Gohan, e foi muito bacana. Este ano, devido a falta de tempo, conseguimos acertar detalhes apenas essa semana. Mas já está garantido: o Gohan irá transmitir em seu telão a premiação e a gente poderá assistir tomando aquela cerveja e comendo as delícias de lá.

VMA 2014 – Transmissão no Gohan Sushi Bar
Endereço: Rua Wilson Medeiros, Barra Center, Parque Dez
Domingo – 24 de agosto
Transmissão a partir das 20h (Red Carpet) – Premiação a partir das 21h
Valor da entrada: gratuido – mas vamos consumir algo né? plmdds!
 
Segue agora os indicados e minhas apostas:
 
Vídeo do Ano
Beyoncé feat. Jay Z, “Drunk in Love”
Iggy Azalea feat. Charli XCX, “Fancy”
Miley Cyrus, “Wrecking Ball”
Pharrell Williams, “Happy”
Sia, “Chandelier”
 

Melhor Vídeo Masculino
Ed Sheeran feat. Pharrell Williams, “Sing”
Eminem feat. Rihanna, “The Monster”
John Legend, “All of Me”
Pharrell Williams, “Happy”
Sam Smith, “Stay With Me”

Melhor Vídeo de Pop

Ariana Grande feat. Iggy Azalea, “Problem”
Avicci feat. Aloe Blacc, “Wake me Up”
Iggy Azalea feat. Charli XCX, “Fancy”
Jason Derulo feat. 2 Chainz, “Talk Dirty”
Pharrell Williams, “Happy”

Artista Para se Prestar Atenção (revelação)
5 Seconds of Summer, “She Looks so Perfect”
Chali XCX, “Boom Clap”
Fifth Harmony, “Miss Movin On”
Sam Smith, “Stay With Me”
Schoolboy Q, “Man of the Year”

Melhor Vídeo de Hip-Hop
Childish Gambino, “3005”
Drake feat. Majid Jordan, “Hold On (We’re Going Home)”
Eminem, “Berzerk”
Kanye West, “Black Skinhead”
Wiz Khalifa, “We Dem Boys”

Melhor Vídeo Feminino
Ariana Grande feat. Iggy Azalea, “Problem”
Beyoncé, “Partition”
Iggy Azalea feat. Ccharli XCX, “Fancy”
Katy Perry feat. Juicy J. “Dark Horse”
Lorde, “Royals”

Melhor Vídeo de Rock
Arctic Monkeys, “Do I Wanna Know?”
Black Keys, “Fever”
Imagine Dragons, “Demons”
Linkin Park, “Until It’s Gone”
Lorde, “Royals”

Melhor Colaboração
Ariana Grande feat. Iggy Azalea, “Problem”
Beyoncé feat. Jay Z, “Drunk in Love”
Chris Brown feat. Lil Wayne & Tyga, “Loyal”
Eminem feat. Rihanna, “The Monster”
Katy Perry feat. Juicy J. “Dark Horse”
Pitbull feat. Kesha, “Timber”

 

Melhor Vídeo com Mensagem Social
Angel Haze feat. Sia, “Battle Cry”
Avicci, “Hey Brother”
Beyoncé, “Pretty Hurts”
David Guetta feat. Mikky Ekko, “One Voice”
J. Cole feat. TLC, “Crokked Smile”
Kelly Rowland, “Dirty Laundry”

 

Melhor Fotografia
30 Seconds to Mars, “City of Angels”
Arcade Fire, “Afterlife”
Beyoncé, “Pretty Hurts”
Gasaffelstein, “Hate or Glory”
Lana Del Rey, “West Coast”

 

Melhor Coreografia
Beyoncé, “Partition”
Jason Derulo feat. 2 Chainz, “Talk Dirty”
Kiesza, “Hideaway”
Michael Jackson & Justin Timberlake, “Love Never Felt so Good”
Sia, “Chandelier”
Usher, “Good Kisser”

Melhor Direção de Arte
Arcade Fire, “Reflektor”
Dj Snake & Lil Jon, “Turn Down for What”
Eminem, “Rap God”
Iggy Azalea feat. Chali XCX, “Fancy”
Tyler the Creator, “Tamale”

Melhor Edição
Beyoncé, “Pretty Hurts”
Eminem, “Rap God”
Fitz and the Tantrums, “The Walker”
MGMT, “Your Life is a Lie”
Zedd feat. Hayley Williams, “Stay the Night”

Melhor Direção
Beyoncé, “Pretty Hurts”
Dj Snake & Lil Jon, “Turn Down for What”
Eminem feat. Rihanna, “The Monster”
Miley Cyrus, “Wrecking Ball”
Ok Go, “The Writing’s on the Wall”

Melhor Efeitos Especiais
Disclosure, “Grab Her!”
DJ Snake & Lil Jon, “Turn Down for What”
Eminem, “Rap God”
Jack White, “Lazaretto”
Ok Go, “The Writing’s on the Wall”

Prêmio Clubland
Calvin Harris, “Summer”
Disclosure, “Grab Her!”
DJ Snake & Lil Jon, “Turn Down for What”
Martin Garrix, “Animals”
Zedd feat. Hayley Williams, “Stay the Night”

Bem, agora é esperar porque a noite é imprevisível! A gente se vê domingo 😉

Surra de Clipes: Kimbra, Nicki Minaj, Iggy Azalea com Rita Ora, Taylor Swift e Rainha Valesca

surraclipes_agosto

Nada como uma semana agitada para termos um post SURRA DE CLIPES, post destinado a todos nós que temos pouco tempo para ficar apreciando clipes quando são lançados. Bem, se você estiver sussa, pega um copo d´água (ou de Baré mesmo) e vem conferir os novos lançamentos:

Taylor Swift com “Shake it off”

Essa moça tá cada vez mais bonita e divertida, né? Além de ser uma música bem bacana, onde ela pede pra galera “se acalmar um pouco e curtir mais” o vídeo ficou super bem editado e produzido, lembrou até um pouco as últimas produções de Lily Allen, outra que adora tirar sarro. Muito bom.

Kimbra com “Miracle”

Minha querida Kimbra e sua voz única nos levam para um passeio divertido e colorido – parecido com o mundo de quem se apaixona – afinal, a música fala sobre isso. Que roupas, produção! São 3 looks, que parecem aqueles aniversários de 15 anos, onde a menina vai “tirando as camadas”, no caso de Kimbra ela vai vestindo. Vermelhou no curral demais esse vídeo, amei.

Iggy Azalea com Rita Ora com “Black Widow”

Tinha tudo para dar certo, mas volto a falar: Rita Ora, sério? Acho ela linda, canta bem, é gostosa e tudo mais. Cadê sal? Iggy continua linda, com seu cabelo de “Your body”. Mas sinceramente? o novo disco tem músicas muito melhores. O clipe ficou super bem produzido, mas faltou ritmo.

 

Valesca Popozuda com “Sou diva e você quer me copiar”

Mais um clássico para o pop brasileiro, dessa vez com uma proudção super divertida – me lembrou “As Empreguetes” (o que é uma coisa boa, gente). Valesca continua nessa vibe contra as inimigas, passando o rodo e tudo mais. Cada dia mais que passa não consigo olhar para ela sem lembra da Pheobe.

 

Nicki Minaj com “Anaconda”

Deus nos acuda que a mulher tá dando surra de bunda! É basicamente isso: surra de bunda com uma boa produção (o que a gente adora). Já quero anda na minha voadeira pelo encontro das águas enquanto danço esse hit. Só fiquei confuso: ela tá pegando o Drake? Aquele final é pra mostrar o boy toy?