Cinemas em Manaus: “Mano, só tem dublado”

cinema_dublado_manaus

Eis o drama nosso de toda semana: abrimos o jornal (ou sites de cinemas) e nos deparamos com uma lista de filmes dublados, sejam infantis ou adultos, blockbusters ou alternativos. E às vezes, uma sessão lá depois de 21h, legendada. Só. Hoje em Manaus temos 6 cinemas (todos eles em shoppings), sendo um deles super moderno e chibatoso recém inaugurado, num shopping que todos amam, mas que também não oferece muitos filmes legendados.

SÓ DUBLADO?!

Segundo nossas pesquisas, essa de boca a boca/bate poca, os funcionários alegam que “o público que pede filmes dublados”. E, a voz do povo é a voz de God, nós sabemos. Mas e a gente que realmente admira a sétima arte e chegou a completar o ensino fundamental, como a gente fica?

Como me sinto quando vejo dublado

Já tive a experiência de ir ao cinema e a vendedora me falar: “moço, esse filme é legendado”. Eu afirmei que sabia e ela voltou a me alertar, com um tom de quem alerta “é um filme adulto, erótico, com sangue, estupro ou que promovia a homosexualidade”. Eu aceitei o alerta dela, um pouco perplexo, mas perguntei o porque dessa preocupação. Segundo ela, outras vezes pessoas entraram na sala de um filme legendado e depois foram reclamar, afirmando que “não foram avisadas”. Ou seja, se tá difícil de ler aquele papelzinho amarelo, imagina as legendas do filme.

Claro que não há como discordar de fatos, a escolha por exibir mais filmes dublados é devido a demanda de compra, mas volto a repetir: e a gente? Sei que é pedir demais, afinal, somos parte de uma minoria (será?), mas acredito que poderia haver sempre uma opção legenda, especialmente nos filmes adultos ~mas que vivem com crianças gritando, acompanhadas por seus pais~ de violência, drama ou ação. A mesma situação rolou com a turma do Cine Set, que fez um ótimo comparativo de uma versão dublada e legendada de “Tropa de Elite”.

TÃO BARRO!

E as desvantagens de ver filme dublado? Não ouvir a voz original do ator (que normalmente estuda bastante para a caracterização do personagem), não permite que a gente compreenda sotaques e gírias – o que prejudica muitas vezes o enredo -, diminui/anula os efeitos sonoros (tão estimados pelos cinemas 3d e afins) e, claro, corta todos os palavrões, tirando toda a veracidade dos personagens.

Miau!

Esse post é apenas um apelo: não queremos que acabem as sessões dubladas, não sou idiota para não compreender que existem pessoas que não conseguem ler com certa velocidade, pessoas mais velhas que possuem dificuldade de ler e até mesmo crianças. Mas é necessário SIM ter cópias legendas. O que vocês acham?