Novo PelamordiVideo: respondemos (quase) tudo no quiz “Minuto de Sinceridades”


Eita, Geovanna! Acordamos cedo nesse domindo para lançar mais uma PelamordiVideo, dessa vez eu, Camila Henriques e Diego Toledano brincamos de “Minuto de Sinceridades”, onde competimos para ver quem responde mais rápido diversas perguntas de cultura pop, cotidiano e guilty pleasure. E aí, quantas perguntas vocês acham que responderiam?

youtubepreview_sinceridades

Agora estamos com uma nova programação, os Pelamordivideo vão estrear a cada 15 dias, sempre com temas de humor, dicas de moda e estilo, rebobinadas e até passeios por Manaus. Vale ficar ligado e seguir o nosso perfil no Youtube (www.youtube.com/user/pelamordi). E se curtiu o vídeo, comente!

promocoespelamordi5anos

Promoções: lembrando que temos sorteio desses brindes excelentes em nossa fanpage (www.facebook.com/Pelamordi), basta curtir a gente e ir na aba promoções (www.facebook.com/Pelamordi/app_154246121296652). Lá você clica no botão verde QUERO PARTICIPAR e pronto! O sorteio dos 3 ítens rola no próximo dia 30.

Cinderela busca príncipe no Tinder? Confira Tinderella, um “conto de fadas” nos dias atuais!

Imagem

Que todo mundo se imagina num conto de fadas volta e meia, isso é verdade. Vai me dizer que você nunca se apaixonou e ficou “ouvindo passarinhos” cantando quando está afim de alguém? Bem, pensando nisso, resolveram fazer uma versão da Cinderela nos dias atuais, confira o video da College Humor:

Demais, né? A Cinderela Serelepe busca o amor no aplicativo de relacionamento Tinder e acaba tendo uma “história de amor” nos dias de hoje. Um pouco triste? Talvez, mas a realidade de muitos que ainda buscam o amor.

Tinderrella - tinder - pelamordi2014

Simon’s Cat está de volta com a “prova de amor felina”

Captura de Tela 2014-02-03 às 13.11.26

O gatinho-animado mais querido de todos os tempos está de volta e parece que o amor está no ar, ainda mais com o “Valentine’s Day batendo na porta”. Saca só:

Não tem como não se apaixonar por ele, né? Toda vez que assisto uma animação do Simon aumenta mais a vontade de ter um gatinho de estimação, pena que minhas cadelas-raivosas lá de casa não permitiriam tal ousadia.

Mapinguari Criativo ensina a cortar o cabelo e a barba “Like a Boss”

Captura de Tela 2014-02-03 às 12.58.15

Mano, queria ter metade dessa criatividade e praticidade para tirar a minha barba – algo que, por sinal, detesto fazer. De um disquete até mesmo a um hashi, olha só a presepada:

Demais, né? Curti demais a edição de video e áudio, com certeza deu muito trabalho mas o resultado ficou excelente. Confira mais videos da turma baré aqui no Youtube deles e na Fanpage.

Mapinguari Criativo faz humor com "Rei do Camarote" e arrepia com Time Lapse no Rio Negro


“Baré é o champanhe da Amazônia”. Não tive como discordar do “muleke doido” do video do Mapinguari Criativo – turma de realizadores de projetos audiovisuais, que lançaram as versão do “Rei do Camarote versão baré”:


Outro destaque ainda é para o arrepiante video de time lapse de um por do sol/tempestade no Rio Negro


Quem já esteve em Manaus ou na região Norte sabe o poder que tem o nosso céu. Aperta o play:



por Rafael Froner

Funkeiras fazem versão para "Wannabe" das Spice Girls

Mexeu com as Spice Girls, mexeu comigo. Comassim, Brasil?! Eis que surge hoje a versão “Melody Funk” da MC Mayara e o “coletivo” Eletro Funk para um hino da geração dos anos 90, nada menos que o clássico “Wannabe”. Aperta o play.



Eu fiquei boquiaberto vendo tamanha cavalisse. Não falo da música, mas mano: potrancas in the house. Que meninas voluptuosas, né? Mas se é pra brincar, vamos brincar. As moças refizeram o plano sequência do clássico videoclipe, achei bonitinho. Sobre os méritos da canção: bandidagem funk. Tem gente que gosta, tem gente que não gosta. Eu me divirto.

Relembre do clássico de 1996:


por Rafael Froner

*Dica de Rodrigo Oliveira


Marco Nanini brilha no Teatro Amazonas com espetáculo inteligente


Neste fim de semana tivemos a honra de receber em nossa cidade o ator Marco Nanini e o inteligente espetáculo de “A arte e a maneira de abordar seu chefe para pedir um aumento”.


Estive na primeira sessão do monólogo, na sexta-feira dia 18 de outubro, onde o público fez bonito: lotou o Teatro Amazonas. De adolescentes com seus celulares a senhoras elegantes e bem perfumadas. O Teatro estava repleto de pessoas que buscavam se entreter e foi isso que o Senhor Marco Nanini nos proporcionou. 
Apesar da falha do microfone na entrada do ator no palco – que resolveu tudo com muito bom humor “Quem não tá me ouvindo diz “alô!”. Que tirou risadas do público sem nem mesmo começar o texto, foi o clima que relaxou todo mundo e fez com que todos caminhassem bem pelo roteiro que iria apresentar. 
monólogo do francês Georges Perec é uma crítica bem humorada sobre as palestras motivacionais e que até mesmo alienam muitos de nós, que trabalham arduamente para crescer na carreira. Mas que nos deparamos com um dia a dia massante e cheio de obstáculos que geram desgaste e falta de motivação. Digo isso porque já trabalhei em empresas do Pólo Industrial de Manaus onde a coisa não é fácil e onde a mente é testada no último nível e as barreiras entre chefe e funcionário são mais altas que o monte Everest. 

Nanini brinca no palco. Gesticula e muda o tom da voz para expressar bem as experiências de um funcionário frustrado dentro de uma empresa. É muita riqueza em detalhes, expressões e a sutileza como é feita é impressionante. Marco é um monstro. 
Não é um espetáculo de gargalhar e muito menos uma “palestra”- como muitos com pouca informação cultural imaginaram. O Texto do espetáculo é uma crítica a sociedade atual, sobre o mundo material e a falta de humanização em empresas contado de uma forma irônica. Quem já trabalhou duro nessa vida com certeza se identificou com o texto. Já alguns colegas com pouca experiência e com “papai pra pagar as contas de casa” apenas pensou “Ah, não entendi nada. Achei fraco”. 


Aplaudido de pé, Marco Nanini não fez agradecimentos e nem mesmo conversou com o público no fim do espetáculo. Estrelismo? Cansaço? Não sabemos dizer mas nem mesmo quero tirar uma conclusão do ocorrido, prefiro relembrar da performance impecável do ator num texto primoroso que com certeza atingiu em certo o público inteligente e que busca entretenimento de qualidade.

*Fotos: Internet
*Rafael foi no espetáculo realizado no dia 18 de outubro, sexta-feira.
*Texto retirado do blog do Pelamordi no Portal do Jornal A Crítica
por Rafael Froner