Pelamordi assistiu: “Mesmo Se Nada Der Certo” (Begin Again, 2013)

download

Vocês já assistiram a um filme tão delícia que gostariam que ele virasse série para acompanhar os personagens todas as semanas? Eu tenho alguns assim. Um deles é o “Apenas Uma Vez”, musical irlandês lançado em 2006/7 – e que depois virou peça premiada na Broadway. A jornada dos personagens de Marketa Iglová e Glen Hansard (que ganharam Oscar com a música ‘Falling Slowly’, tema principal do filme) é tão genuína e confunde tanto vida real e ficção que não tem como não se apaixonar.

O diretor do filme era o nem tão conhecido assim John Carney. Sete anos depois, ele faz de novo. Com “Mesmo Se Nada Der Certo”, tive a mesma sensação de “Once”. Simplesmente adorável, a produção estrelada por Keira Knightley e Mark Ruffalo é capaz de colocar um sorriso até no mais gelado dos corações.

Keira Knightley in Begin Again

“Mesmo Se Nada Der Certo” traz Knightley como Gretta, uma jovem compositora sem rumo após terminar o relacionamento com Dave (Adam Levine, em sua estreia no cinema). Quase se despedindo de Nova York – após uma estadia frustrada com o amado, agora um sucesso da música -, ela chama a atenção de um produtor musical falido (Ruffalo) ao soltar a voz em uma ‘noite para compositores’, bem comum em bares de NYC.

Encantado com a voz e as composições de Gretta, ele decide investir no talento da jovem. Juntos, os dois embarcam em uma jornada que os mostra uma Nova York diferente ao passo que gravam as músicas que vão dar forma ao álbum da compositora.

rs_560x415-140328181340-1024.Begin-Again-Adam-Levine-Keira-Knightley.ms.032814_copy

Carney já nos ganha de cara, ao usar uma montagem não-linear para nos apresentar aos personagens principais. A construção do filme, aliás, é um dos pontos altos da produção. Em nenhum momento ficamos cansados daquela história ou das repetidas cenas musicais. Graças à montagem, conseguimos ser surpreendidos até o último minuto (btw, que escolha ótima a de colocar certas cenas nos créditos em vez de no meio da produção).

A propósito, as canções do filme são um deleite. Lindas, cabem perfeitamente na voz de Kinghtley. Já Levine, à vontade com o papel de popstar repentino, transforma as músicas delicadas de Gretta em sucessos que poderiam ter sido gravados pelo Maroon 5. Ruffalo, por sua vez, constrói com perfeição um tipo frustrado, visivelmente cansado da vida que leva e sem esperanças de mudança. Na cena em que avista a personagem de Knightley pela primeira vez, Ruffallo reúne todas esses elementos do personagem em um momento de catarse total.

O elenco ainda traz Hailee Steinfeld e Catherine Keener (que lástima essa atriz tão maravilhosa colecionar ‘pontas’!) em papéis menores, além de James Corden como o carismático Steve, melhor amigo da protagonista, e mais um jurado do The Voice, Cee-Lo Green (!!), que interpreta um popstar rico e famoso graças ao talento do personagem de Ruffalo.

f1db6a16cc9a57bcf5fab5fe89ffac97

Sem precisar apelar para romantismo barato ou para uma enfadonha ‘moral da história’, Carney nos mostra uma história leve tendo como o pano de fundo o verão de Nova York. Para os personagens, foram necessárias apenas algumas semanas para que suas vidas mudassem. Já eu precisei de apenas duas horas para ficar com o coração aquecido.

Adam curtchiu a voz da Keira!

Adam curtchiu a voz da Keira!

Pra quem ficou curioso, seguem aqui algumas músicas do filme (a trilha já está disponível no Spotify!):

Cinema: estreias em Manaus desta sexta-feira (13/04)

Para quem vai passar essa sexta-feira 13 nos cinemas, Manaus oferece estreias para todos os gostos.


 
12 Horas (Gone)

Não sou muito atraido por esses filmes de suspense policial, mas Amanda Seyfried geralmente faz boas escolhas. Além disso, é dirigido pelo brasileiro Heitor Dhalia (do genial “O Cheiro do Ralo”) e sua estreia hollywoodiana não deve ser perdida.


 

A Toda Prova (Haywire)

Depois de “Contágio”, Steven Soderbergh volta aos filmes de espionagem (mas sem a comédia de “Onze Homens e um Segredo”) com mais um grande elenco. Infelizmente, não parece que ele trás alguma novidade ao gênero.



 

Como Agarrar Meu Ex-Namorado (One for the Money)

Uma boa escolha para pior comédia romântica que já assisti. O filme é sem graça, totalmente sem propósito e repleto de clichês. Sou fã da Katherine Heigl, mas se ela continuar assim vou ter que reavaliar meus conceitos…



Diego Hutchings

@Mraziano

Cinema: estreias em Manaus desta sexta-feira (27/01)

Uma sexta-feira memorável aqui em Manaus! Várias estréias (boas!) para o bom cinéfilo que se prepara para assistir à cerimônia do Oscar em fevereiro. 

À Beira do Abismo (Man on a Ledge)
Com Sam Worthington no elenco, pode esperar altas cenas de ação. Mas fora
isso, o filme não parece prometer muito. Pelo trailer ficamos até meio confusos com o real objetivo do longa: seria um thriller psicológico sobre um homem tentando provar sua inocência ou um filme de ação do Mark Wahlberg?

 
Os Descendentes (The Descendants)
5 INDICAÇÕES PARA O OSCAR 2012
Como todo os outros filmes do Alexander Payne, esse tem aquele clima calmo, onde os dramas do cotidiano surgem naturalmente e nos encanta. Sou muito fã disso e do George Clooney, que tem essa mesma presença calma mas poderosa ao mesmo tempo. O roteiro é leve e complexo, com um ótimo drama familiar que merece ser visto.


 
Forças Especiais (Forces Spéciales)
Uma estreia estranha de um filme que não chamou muita atenção quando foi lançado ano passado. Mas pra quem curte filmes de ação e guerra não percam esse. Por ser Frances, deve ser no mínimo um pouco mais interessante do que os que geralmente são lançados por Hollywood.

 
J. Edgar
Curto muito o Clint Eastwood como diretor (‘Meia-Noite no Jadim do Bem e do Mal’ é um dos meus filmes favoritos) e com um roteiro do Dustin Lance Black (‘Milk – A Voz da Igualdade) tenho altas expectativas. Infelizmente, os críticos dizem que esse é um dos piores do Clint e que Leonardo DiCaprio deixa muito a desejar. Será?

Millennium – Os Homens que Não Amavam as Mulheres 

(The Girl With the Dragon Tattoo)
5 INDICAÇÕES PARA O OSCAR 2012
Sei que todos falam que a versão suéca é perfeita mas eu nunca assisti. Apesar disso, acho muito difícil ser melhor que essa versão do sempre fodástico David Fincher. O filme é simplesmente cativante em todos os sentidos: fotografia, edição, trilha sonora e as atuações fantásticas. Um dos melhores thrillers que já assisti.
Diego Hutchings
@Mraziano

Cinema: Estreias em Manaus nesta sexta-feira (20/01)

Agora que o blog voltou de férias, os filmes nos cinemas de Manaus começam a melhorar! Muitas apostas boas nas estreias, então não deixem de passar no cinema nesse fim de semana.

2 Coelhos
Como todo mundo, eu me impressionei com o trailer. E não pelas explosões ou efeitos especiais, mas pela proposta diferente que ‘2 Coelhos’ traz ao cinema nacional. 

É um visual nunca antes visto nas produções brasileiras. Ainda não sei se o enredo consegue carregar esse mundo visualmente estimulante e louco que nos apresentam no trailer, mas estou ansioso para descobrir.




As Aventuras de Tintim (The Adventures of Tintin)
Uma geração inteira cresceu assistindo Tintim e seu cachorro Milu desvendando mistérios e se metendo em encrenca. 

Só pelo fator nostálgico e animação super bem feita, esse filme já vale a pena. Infelizmente, o enredo deixa bastante à desejar, mas Spielberg fez um trabalho bem feito que, apesar de não ser incrível, é divertido e fiel às suas origens.


O Espião que Sabia Demais (Tinker, Tailor, Soldier, Spy)
Vou logo avisando, esse aqui não é pra todo mundo. São 127 minutos de filme com cenas que não saem do lugar e geralmente confundem. 

É um filme confuso, difícil de acompanhar e que exige toda a atenção do telespectador para fazer sentido. Mas talvez as atuações do elenco fodástico (que inclue Colin Firth, Tom Hardy e o incrível Gary Oldman) e a fotografia espetacular seja o suficiente para manter você interessado.


 
Diego Hutchings
@Mraziano

Cinema: estreias em Manaus nesta sexta-feira (23/12)


Sexta-feira véspera da véspera de Natal e, Infelizmente, os cinemas de Manaus não trazem nenhum presente especial pra vocês. Mas eu desejo feliz Natal pra vocês mesmo assim!


Compramos um Zoológico (We Bought a Zoo)
Me explica por que um filme que não é desenho, que não tem animais falantes e que tem Matt Damon e Scarlett Johansson no elenco com direção do fodástico Cameron Crowe é dublado? Sério mesmo?! Vergonha alheia do cara que tomou essa decisão. O jeito é esperar vazar um dvdrip na internet pra baixar…




A Fera
(Beastly)
É muita falta do que lançar se ‘A Fera’ (um dos filmes mais medíocres do ano) chegou em Manaus. Imagine todos os clichês possíveis e as atuações mais ‘filme-feito-pra-TV’ que você já viu e multiplique por pelo menos 2 (porque o casal Vanessa Hudgens e Alex Pettyfer estão sofríveis). Nem o Neil Patrick Harris consegue salvar essa bagunça.



Diego Hutchings
@Mraziano

Cinema: estreias em Manaus nesta sexta (16/12)

Por algum motivo sem sentido, nessa semana só estreiam filmes com temática de roubo. Pelo menos tem pré-estreia de ‘Compramos um Zoológico’ nesse fim-de-semana. Ah esquece, é só dublado ¬¬ Por que Manaus?! Por que?!


Assalto em Dose Dupla (Flypaper)

Pra quem gosta de dormir no cinema, esse filme é pra você. Nem o elenco liderado pelos ótimos Patrick Dempsey, Ashley Judd e (nos meus olhos, a futura ganhadora do Oscar) Octavia Spencer conseguem salvar esse enredo chato, nada original e totalmente sem graça.

Roubo nas Alturas (Tower Heist) 
Esse aqui grita futuro clássico da ‘Sessão da Tarde’, ainda mais com Ben Stiller e Eddie Murphy no elenco. Não que Eddie Murphy consiga gerar muita confiança hoje em dia, mas podemos esperar por uma surpresa né? Pelo menos vale pela presença da sempre excelente Gabourey Sidibe.

ESTREIA QUARTA-FEIRA (21/12)

Missão: Impossível 4 – Protocolo Fantasma (Mission: Impossible – Ghost Protocol)

Nunca fui muito fã do Tom Cruise ou de ‘Missão: Impossível’ mas sou fanático pelo J.J. Abrams e sua equipe, então tive que assistir o terceiro (eles escreveram). E não é que eu até curti bastante? Esse novo filme da série promete mais comédia (Simon Pegg!!),  com mais ação ainda (Jeremy Renner!!) e fotografia linda (Brad Bird dirigindo seu primeiro filme depois de ‘Ratatouille’). E tudo isso não for o suficiente pra lhe convencer, talvez o Josh Holloway consiga (saudade de ‘Lost’…).

 


Diego Hutchings
@Mraziano

Cinema: Estreias em Manaus desta sexta-feira (09/12)

Mais uma semana de estreias fraquinhas em Manaus. O jeito mesmo é esperar vazar o resto dos filmes sendo considerados para o Oscar. E pra quem ainda não viu, ‘A Pele que Habito’ continua passando nos cinemas manauaras. Fica a dica.


O Gato de Botas (Puss in Boots)
Para mim, o personagem do Gato de Botas é engraçado quando em pequenos intervalos no meio da história do Shrek. Infelizmente, com tantas continuações, Shrek e seus amigos perderam a sua graça. E embora esse filme se passe antes do primeiro Shrek, acho difícil um personagem secundário chatinho conseguir me fazer rir por 90 minutos.

 
Noite de Ano Novo (New Year’s Eve)
Desde 2003, os grandes estúdios tentam replicar o sucesso de ‘Simplesmente Amor’ com a velha fórmula de elenco gigante de astros mundiais com várias histórias paralelas que se encontram no final. E nessa continuação ‘não-oficial’ do chatinho ‘Idas e Vindas do Amor’ não é diferente. Espere mais do mesmo: personagens e enredos clichês (mas em vez da Taylor Swift, temos Bon Jovi).

Diego Hutchings

@Mraziano